CATEDRAL DE SAL

Considerada a primeira maravilha da Colômbia, a Catedral de Sal de Zipaquirá é um passeio imperdível, bem próximo de Bogotá. No nosso terceiro dia na cidade, resolvemos ir conhecer essa bela atração construída pelo homem.

Zipaquirá é um município localizado a 42km de Bogotá e é um dos centros de exploração de sal mais importantes da Colômbia.

A Catedral de Sal, construída a 180 metros abaixo do nível do solo, no interior de uma mina de sal, é um Santuário Católico que, além do show do luzes em meio a labirintos de sal, ainda mostra a representação da Via Crucis de Jesus Cristo através de esculturas belíssimas entalhadas nas rochas de sal.

O local já era dedicado a Nossa Senhora do Rosário (padroeira dos mineradores). Através dos túneis que foram sendo escavados para a extração do mineral no início do século XVI, com a chegada dos espanhóis, a catedral teve o início da sua história.

Com alguns projetos anteriores fracassados, a Catedral foi inaugurada depois do desenho proposto pelo arquiteto Roswell Garavito Pearl ter sido aprovado, em 1995.

Você pode adquirir os ingressos na chegada ou antecipadamente pelo site. Tanto pelo site quanto no local o valor do ingresso é o mesmo, COP 50mil por pessoa, cerca de R$55. Na entrada do parque, tem uma pracinha, banheiros e tendas com venda de artesanatos ao lado da bilheteria.

No site também tem outras opções de pacotes, com passeios mais longos.

No site dá para ver as outras opções de pacotes, com passeios mais longos.

Após a compra dos ingressos, é só atravessar a pracinha e aguardar na entrada da mina. Lá é formada uma turma que seguirá com acompanhamento de um guia que irá contando toda a história da mina com suas curiosidades. Você pode optar por não acompanhar o grupo guiado e seguir o passeio no seu próprio ritmo (como nós fizemos), mas é preciso aguardar a turma para entrar, a partir daí que conseguirá seguir sozinho.

Os corredores de sal tem cerca de 400m de comprimento e 13 de altura. Eles vão conduzindo até o templo no interior da mina, passando pelas 14 estações da Via Crucis, que representam a caminhada de Jesus desde o momento em que ele foi condenado e crucificado, até seu sepultamento. Os altares foram esculpidos nas rochas de sal e a iluminação tem um efeito especial na escuridão.

Em seguida abre-se um salão com uma linda e enorme cúpula que representa a ligação entre o céu e a terra.

Passando a cúpula já pode-se avistar o templo que fica em um nível inferior, através de um balcão grande com esculturas de anjos que direcionam sua visão para a parte mais abaixo de onde se vê a Nave Central. Escadas e rampas talhadas nas rochas de sal descem até o centro da Catedral que tem três salões: Nave do Nascimento, Nave da Vida e Nave da Morte e Ressurreição. Elas se comunicam por passagens e labirintos. A Nave Central é ancorada por quatro grandes colunas que simbolizam os apóstolos Mateus, Marcos, Lucas e José. Ela ostenta uma cruz de sal muito grande e tem no chão um medalhão que faz referência ao nascimento de Cristo.

Espelho D'água.

Espelho D'água.

Escultura feita na parede.

Escultura feita na parede.

Bandeiras de muitos países são ilustradas, em tamanho grande, através de luzes no teto de um dos corredores.

Bandeiras de muitos países são ilustradas, em tamanho grande, através de luzes no teto de um dos corredores. A do Brasil também está lá.

No final do passeio tem uma espécie de galeria com várias lojinhas que vendem souvenires feitos de sal, artesanatos diversos e lanches.

No final do passeio tem uma espécie de galeria com várias lojinhas que vendem souvenires feitos de sal, artesanatos diversos e lanches.

COMO CHEGAR:

Dá pra chegar até a Catedral de carro, que foi o meio que escolhemos para chegar até lá, levamos cerca de 1h.

Também há a opção de ir de ônibus, partindo da estação da Transmilênio "Museo Del Oro" pegando a Linha B74 sentido Portal Norte, descendo na última estação de mesmo nome e de Portal Norte, na plataforma de ônibus intermunicipais e pegando o que vai a Zipaquirá.

Outra forma é de táxi, que sairá um pouco mais caro.

Vale a pena sair um pouco de Bogotá para conhecer essa maravilha da Colômbia, é um lugar único e cheio de história.

Vale mencionar que pelas fotos não dá pra ter noção da grandiosidade do lugar. Na galeria você pode acompanhar com um pouco mais de detalhes tudo que encontramos por lá:

  • RESERVE SUA ESTADIA ATRAVÉS DESSE LINK -> BOOKING.COM E GANHE UM VOUCHER DE R$ 50.

15 - Curaçao

26 de março de 2018

Curaçao Pra encerrar os relatos sobre nossas férias em 2017, outra das Antilhas Holandesas...a famosa CURAÇAO. Uma mescla de arquitetura colonial holandesa, cultura africana, com toques espanhóis e portugueses e...
Veja mais...

14 - Aruba

24 de março de 2018

ARUBA Uma ilha caribenha ao norte da Venezuela que usa o slogan de "Ilha Feliz", precisa dizer mais alguma coisa? Um lugar maravilhoso para tirar férias, com hotéis com vista para o mar, praias tranquilas quase...
Veja mais...

13 - San Andres

13 de março de 2018

SAN ANDRES Uma ilha paradisíaca a 1:30h de avião de Cartagena, a maior a fazer parte do Arquipélago San Andrés, Providência Santa Catalina. A ilha é completa, tem um...
Veja mais...

12 - Parque Tayrona e Santa Marta

03 de março de 2018

Parque Tayrona: A natureza intocada na Colômbia Fonte: Google Nosso ponto de partida foi...
Veja mais...

11 - Playa Blanca - Isla Baru - Cartagena

18 de fevereiro de 2018

Playa Blanca - Isla Baru Apesar de Cartagena ser banhada pelo mar, as praias da cidade não são tão bonitas. Por esse motivo, um dos passeios que...
Veja mais...

10 - Cartagena das Índias

13 de fevereiro de 2018

Cartagena é um espetáculo! Não poderia começar a escrever sobre Cartagena de outra forma. A cidade é, sem dúvida alguma, um espetáculo! É muita história, é a cultura...
Veja mais...

9 - Salto de Tequendama

04 de fevereiro de 2018

Voltando de Medellín, tínhamos ainda uma manhã em Bogotá antes de pegar o vôo para Cartagena. Como devolveríamos o carro só ao meio dia no aeroporto, aproveitamos cada segundo...
Veja mais...

8 - Peñol de Guatapé e Hacienda Nápoles

28 de janeiro de 2018

De Medellín a Bogotá Destino do dia: Guatapé, a 1:30h de Medellin. *Lembrando que estamos descrevendo uma viagem realizada em Setembro/Outubro de 2017. Saímos de Medellín ainda pela manhã, pela autopista...
Veja mais...

7 - Manizales e Medellín

23 de janeiro de 2018

Caminho de Bogotá a Medellín Depois de aproveitar muito Bogotá e arredores, fazendo milhões de coisas por lá, pegamos a estrada para Medellín. No nosso roteiro inicial, programamos um giro,...
Veja mais...

5 - Museu Botero - Bogotá

29 de outubro de 2017

MUSEU BOTERO Fernando Botero é conhecido por sua linguagem artística baseada na expansão dos volumes. Suas obras, tanto pinturas quanto esculturas são facilmente identificadas por não seguirem...
Veja mais...

4 - Mercado Paloquemao - Bogotá

28 de outubro de 2017

MERCADO PALOQUEMAO Um dos lugares mais peculiares e interessantes que visitamos em Bogotá foi o Mercado Paloquemao. Ele fica na zona oeste da cidade, mais precisamente na Calle 19, na altura da Carrera 27 (em...
Veja mais...

3 - Bogotá

24 de outubro de 2017

BOGOTÁ A surpreendente capital da Colômbia, é também a maior cidade do país, com cerca de 8,8 milhões de habitantes e se revela multicultural e cheia...
Veja mais...

2 - Colômbia - Dicas e Percepções

14 de outubro de 2017

COLÔMBIA Passamos 15 dias rodando (e voando) pela Colômbia no mês de setembro. De lá partimos para ilhas próximas, que formam outros países caribenhos (Aruba e Curação)...mas isso é história pra mais tarde. ...
Veja mais...

1 - Colômbia, Aruba e Curaçao: lá vamos nós!

09 de setembro de 2017

E aí amigos! Temos um novo roteiro no ar. Na próxima sexta (15/09), partimos para a Colômbia (de avião, pelo menos dessa vez). Em toda a parte colombiana do roteiro, teremos mais uma vez a parceria da Lais e do Tiego. Na parte das...
Veja mais...

COPYRIGHT 2021 © Todos os direitos reservados - Desenvolvido por Orange Tecnologia para Internet