Santiago, Valparaíso e Viña del Mar - 10 a 14/02

Já estamos em casa...mas ainda tem dois trechos da viagem pra contar. Nesse post, vamos relatar nossas andanças por Santiago e arredores.

Depois de uma boa noite de sono em Pucón, saímos rumo à Panamericana (Ruta 5) Norte. Depois de rodar quase 800km em pista dupla, impecável (e com muitos pedágios) chegamos a capital já a noite.

Na chegada, a primeira questão era buscar um hotel, já que a nossa internet 3G até então não funcionou. E para garantir fomos direto a um Ibis. Nesse caso, o do bairro Providência.

Acordar e tomar um bom café da manhã revigora. Na Argentina dificilmente encontrávamos frutas. Eram medialunas e mais medialunas. Culturas diferentes, cafés da manhã diferentes. No Chile, os cafés eram mais completos (e parecidos com os nossos). Como não sabíamos onde e a que horas seria o nosso almoço, precisávamos sempre de um bom café.

Então, bem alimentados, seguimos para Valparaíso e Viña Del Mar, que ficam a 150km de Santiago. Duas cidadezinhas vizinhas e encantadoras. A primeira com um porto e a segunda com praias, ambas com águas congelantes do Pacífico que as banha.

Resolvemos, já na chegada, ir até o endereço do hotel para saber exatamente onde ficava, já que o check in seria só as 15h. E ai nos enfiamos por várias ruelas (muitas delas sem saída e que exigiram manobras radicais para retornar). O GPS não tinha jeito de mandar pro lugar certo: várias ruas estavam com a mão inversa cadastrada. Pensamos: Meeeo Deus, em que biboca fomos reservar esse hotel, isso que dá procurar hotel mais barato...hahaha. Doce surpresa ao descobrir que nosso Hotel Boutique 17 ficava no MEIO do centro histórico de Valparaíso, tombado como Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO, com uma vista incrível da baía e perto de tudo o que queríamos visitar. Dava pra ir a pé.

Então fomos até Viña Del Mar para almoçar, andar pela praia e passear por lá, enquanto chegava o horário de deixar a bagagem no hotel.

Viña del Mar

Viña del Mar

Viña del Mar

Viña del Mar

Praias congelantes e lotadas em Viña del Mar

Praias congelantes e lotadas em Viña del Mar

Viña del Mar

Viña del Mar

Viña del Mar

Viña del Mar

Viña del Mar

Viña del Mar

Viña del Mar

Viña del Mar

Construções horizontais e pitorescas em Reñaca - Viña del Mar

Construções horizontais e pitorescas em Reñaca - Viña del Mar

Viña del Mar

Viña del Mar

A praia tem uma água gelada demais e a areia é escura e grossa.

Outra diferença no conceito "ir pra praia" no Brasil: pedimos para um vendedor de bebidas uma cerveja, porque ninguém é de ferro, e ele riu. Aí é que descobrimos que, no Chile, não se vende bebida alcoólica em locais públicos, nem na praia, nem em estádios, em lugar algum que não seja devidamente autorizado. Então nos contentamos com uma água mineral mesmo heheh.

No final da tarde voltamos a Valparaíso, deixamos as coisas no hotel e fomos procurar nas redondezas um Café onde pudéssemos ver o por do sol no Pacífico, que pinta o céu e a paisagem de tons alaranjados. Encontramos por acaso o Café Turri, recomendadíssimo por todas as revistas que tínhamos lido antes de viajar. O lugar é bem agradável, com uma varanda que tem vista para o porto, com um chef preparando os pratos e com preços condizentes com tudo isso. O Turri só é café até as 19:30h, depois desse horário já começa a servir o jantar.

Vista da cidade a partir do Café Turri - Valparaíso

Vista da cidade a partir do Café Turri - Valparaíso

Vista da cidade a partir do Café Turri - Valparaíso

Vista da cidade a partir do Café Turri - Valparaíso

Construções típicas - Valparaíso

Construções típicas - Valparaíso

Hotel Ibis em meio ao porto

Hotel Ibis em meio ao porto

Torre do relógio e porto ao fundo em Valparaíso

Torre do relógio e porto ao fundo em Valparaíso

Valparaíso à noite

Valparaíso à noite

Saindo do Café aproveitamos a localização para andar pelo Paseo Gervasoni, que fica ao lado e segue por algumas quadras. É nele que fica a Estação do Ascensor Concepción (CH$ 300/pessoa), vários outros cafés antigos e tradicionais....e uma vista incrível.

E andando tranquilos pelas ruazinhas, 3 quadras para o outro lado, mais uma agradável surpresa: lá de cima, no Paseo Atkinson, podíamos assistir de camarote a um show de tango que acontecia na Plaza Aníbal Pinto, lá embaixo. E de repente ao nosso lado um senhor esbravejando: "¡ Todavia tengo que ver essa mierda! ¡ Estamos en Chile, no en Argentina, deberíamos estar viendo a un show de Cueca (ritmo tradicional Chileno)!"

Rimos muito com esse senhor, que se apresentou como Don Pedro e nos levou para conhecer sua casa (que ficava ao lado) e sua família. Dava pra ver que muito do esbravejamento era efeito da cerveja...mas não deixava de ser engraçado.

Nosso camarote para ver o show de tango surpresa :)

Nosso camarote para ver o show de tango surpresa :)

No dia seguinte fomos conhecer outros lugares na cidade, como La Sebastiana (uma das casas de Pablo Neruda). Essa é um passeio imperdível. Além de tudo, tem uma lojinha, logo na entrada, com muita coisa legal e diferente para levar de lembrança. E a vista lá de cima é incrível.

Para ir a praça central Sotomayor, nosso caminho foi fácil: ascensor Concepción, (o mais antigo deles, de 1883) que é uma aventura a parte. A impressão que dá é que aquele negócio vai cair. Remete ao passado, com um vagão todo de madeira numa subida íngrime fazendo um barulhão e parecendo que vai desmontar. É incrível! Confiram no vídeo abaixo:

Ascensor Concepción com seu íngrime trajeto.

Ascensor Concepción com seu íngrime trajeto.

Os Trólebus de Valparaíso são os mais antigos ônibus elétricos continuamente em serviço no mundo e operam  desde 1952 com os carros originais.

Os Trólebus de Valparaíso são os mais antigos ônibus elétricos continuamente em serviço no mundo e operam desde 1952 com os carros originais.

Praça Sotomayor

Praça Sotomayor

Nos despedimos de Valparaíso já com uma vontadinha de voltar... Quem tiver a oportunidade, por favor, não deixe de ir!

Depois dos passeios voltamos a Santiago, e vá pagar pedágio..heheh, mas pra andar nas estradas chilenas a gente paga com gosto, estrada pra dar inveja a qualquer brasileiro!

Já havíamos passado pela região em 2008. Por isso, dessa vez procuramos fazer tudo que não tínhamos feito na primeira passagem por lá, tanto na praia quanto em Santiago. Na capital, aproveitamos para ir até o Cerro Santa Lucia e a tarde ao Parque Arauco, belo shopping para umas comprinhas.

No dia seguinte, ao Pátio Bellavista, que reúne mais de 90 restaurantes em um só local, e ainda tem algumas lojinhas perdidas pelo meio e fica (óbvio) no Bairro Bellavista. Na sequencia, uma passada no hotel para uma descansadinha, já que o termômetro do carro marcava modestos 42 graus na rua, e aí não deu pra encarar.

Cerro Santa Lucia

Cerro Santa Lucia

Cerro Santa Lucia

Cerro Santa Lucia

Mote com Huesillo - Bebida típica chilena com trigo, pêssego fruta e calda, preparado na hora e servido gelado.

Mote com Huesillo - Bebida típica chilena com trigo, pêssego fruta e calda, preparado na hora e servido gelado.

Cerro Santa Lucia

Cerro Santa Lucia

Centro de Santiago

Centro de Santiago

Prédios históricos no centro de Santiago

Prédios históricos no centro de Santiago

A noite, duas programações: os meninos foram assistir ao jogo Universidad de Chile 1 x 2 Unión Española no Estádio Nacional. Eu e a hermana, que não somos de ferro, aproveitamos para conhecer o o complexo Costanera Center, conjunto de 4 edifícios onde um deles é o prédio mais alto da América Latina com 300m de altura, e ainda tem Hotel e um shopping enorme, com mais de 200 estabelecimentos. Não precisa nem falar que adoramos!

Panorâmica do Estádio Nacional, visto da Arquibancada Andes

Panorâmica do Estádio Nacional, visto da Arquibancada Andes

Los de Abajo, hinchada da La U

Los de Abajo, hinchada da La U

Na manhã seguinte atrasamos nossa saída para iniciar o caminho de volta para casa para poder assistir a famosa troca da guarda no Palácio La Moneda, sede do governo chileno. A troca acontece de 2 em 2 dias, e nesse mês de fevereiro, cai nos dias pares (é preciso consultar sempre previamente, pois existe um calendário constando as datas de cada mês). Durante a semana inicia sempre às 9:50 e no sábado (finais de semana e feriados) às 11:00h. É uma tradição que se mantém desde 1851, onde os carabineros que resguardam o palácio dão lugar a nova turma que chega para cumprir o seu horário. São cerca de 40min de sincronismo e elegância com direito a banda, (Orfeón Nacional de Carabinerossom) igualmente trajada, regendo os acontecimentos até o final do espetáculo.

Palácio La Moneda, sede do Governo Chileno

Palácio La Moneda, sede do Governo Chileno

Palácio La Moneda, sede do Governo Chileno

Palácio La Moneda, sede do Governo Chileno

Troca da Guarda

Troca da Guarda

Troca da Guarda

Troca da Guarda

La Moneda

La Moneda

E foi nesse local que presenciamos mais uma vez um exemplo de falta de educação que faz com que a fama dos turistas brasileiros no exterior sofra pra melhorar. Furar fila é feio, roubar o lugar dos outros é feio, falar gritando pra "aparecer" em público é feio...e infelizmente vimos vários brasileiros fazendo tudo isso por lá. O mais triste é que tem gente com cabelo branco fazendo "feio" mundo afora. Enfim...só o desabafo, mas se quisermos exigir qualquer coisa de governantes, políticos e afins...não podemos ter esse tipo de atitude. O exemplo deve partir de cada um de nós.

De lá...passadinha no Mercado pra torrar os pesos que sobraram em Cerveza Austral pra trazer, almoço fast food e seguimos o rumo de casa....tema do nosso post de fechamento da jornada.

13 - Roteiro e Custos

12 de setembro de 2016

Resumo da Viagem com Custos e Roteiro GPS Pra fechar os posts sobre a viagem ao Fim do Mundo, vamos detalhar o roteiro percorrido e os dados de todo o trajeto. Vamos aos números: Dias na estrada: 25 Km...
Veja mais...

12 - Dicas pra quem vai pegar a estrada

12 de setembro de 2016

Estamos muito felizes com a dimensão que está tomando o nosso blog, com pessoas de todos os lugares do mundo acessando. A nossa primeira intenção era guardar nossas memórias para que não se perdessem com o tempo e também para que nossa...
Veja mais...

11 - De Santiago pra casa

12 de setembro de 2016

Final da viagem - De Santiago a Caxias do Sul A todos que acompanharam nossa aventura ao fim do mundo...esse é o último post relatando um trecho dessa viagem. É também onde fizemos a "indiada mor". Saímos de Santiago com a...
Veja mais...

9 - Bariloche-ARG e Região dos Lagos-CHI

12 de setembro de 2016

Bariloche-ARG e Região dos Lagos-CHILE - De 06 a 09/02 Nos últimos dias da viagem resolvemos curtir mais e escrever menos, já que o tempo andava escasso...heheh Então vamos seguir de onde paramos porque tem muita coisa pra...
Veja mais...

8 - Ruta 40-ARG e Carretera Austral-CHI

12 de setembro de 2016

Ruta 40 e Carretera Austral - 03, 04 e 05/02 Depois de sair de El Chaltén, partimos para o norte pela famosa Ruta 40 argentina, rodovia que corta o país de norte a sul sempre próxima a Cordilheira dos Andes (faltaram as fotos no...
Veja mais...

7 - Glaciar Perito Moreno - El Calafate

12 de setembro de 2016

Glaciar Perito Moreno - El Calafate - 02/02 Então... andamos por lugares um tanto afastados da civilização nos últimos dias, onde internet é coisa que deve chegar em alguns anos... e com isso, acabamos atrasando um pouco os posts,...
Veja mais...

6 - Torres del Paine

12 de setembro de 2016

Torres del Paine - 01/02 Nossos dias andam cada vez mais curtos. Não pelo sol, que se põe às 22:30h na Patagônia, mas pela quantidade de lugares impressionantes que estamos vendo diariamente e fazem com que cheguemos sempre...
Veja mais...

5 - Punta Arenas e Puerto Natales-CHI

12 de setembro de 2016

Chile - Punta Arenas e Puerto Natales - 30 e 31/01 Saímos da Terra do Fogo e voltamos ao continente. No caminho, almoço em Rio Grande, processo de migração em San Sebastián, Ferry pelo Estreito de Magalhães novamente (dessa...
Veja mais...

4 - Ushuaia

12 de setembro de 2016

Ushuaia e Tierra del Fuego... no Fim do Mundo - 27 a 30/01 Descrever o Fim do Mundo não é uma tarefa fácil. Talvez, dizer que andamos 140km de carro na cidade e arredores e tiramos 1200 fotos ajude a fazer compreender...a...
Veja mais...

3 - De Trelew à Terra do Fogo

12 de setembro de 2016

26/01 - De Trelew a Rio Gallegos Em Trelew, ficamos no Hotel Galicia, bem no centro. Muito bom, só o café da manhã um pouco simples, mas estavam lá as esperadas medialunas (croissant doce sem recheio, muito...
Veja mais...

2 - Da Província de Buenos Aires à Patagonia

12 de setembro de 2016

Rumo ao Fim do Mundo - 25/01 25/01 - De Azul-BAs a Trelew-CHT A manhã começou um tanto tumultuada. Como na noite anterior aproveitamos para apreciar a cerveja local e ficamos acordados até as 2h da madrugada, nos atrasamos para...
Veja mais...

1 - De Caxias do Sul-RS a Província de Buenos Aires-ARG

23 de janeiro de 2015

Rumo ao Fim do Mundo - 23 e 24/01 23/01: De Caxias do Sul a Uruguaiana Quem vem acompanhando o blog, sabe que a idealização dele veio junto com do nosso projeto de viagem para 2015: Ir de carro até Ushuaia e de voltar "costurando" a...
Veja mais...

COPYRIGHT 2021 © Todos os direitos reservados - Desenvolvido por Orange Tecnologia para Internet