Tóquio foi a nossa porta de entrada para o Japão.

Esse país com tantos contrapontos, que une o antigo com o novo, o conservador com o moderno, os templos milenares aos prédios tecnológicos atuais. E Tóquio talvez seja o melhor exemplo do que acabo de falar: a cidade consegue mostrar tudo isso enquanto se passeia pelas ruas ou entre o vai e vem de cada estação de metro ou trem.

Como já escrevemos no post sobre planejamento de viagem , nossa vinda para o Japão teve uma parada nos EUA. Nosso vôo saiu de Los Angeles no dia 04/06 numa quarta-feira, às 12:15h e, devido ao fuso maluco, chegamos em Tóquio na tarde de quinta-feira, dia 05/06, às 15:30h.

Ainda no aeroporto fomos providenciar o nosso Japan Rail Pass (passe de trens onde você paga um valor e pode andar ilimitado pela quantidade de dias que escolher). Depois fomos procurar o Post Office onde pegaríamos o pocket wi-fi que já havíamos reservado pela internet antes de sair de viagem. Em frente ao local onde contratamos o Japan Rail Pass compramos os tickets para o trem até o hotel (optamos por ativar nosso passe alguns dias depois da nossa chegada).

Chegamos pelo aeroporto de Narita (que fica muito longe da região central, cerca de 77km até o bairro de Shinjuku onde ficava nosso hotel) e levamos 1:30h para chegar e o ticket custou Y2520,00, cerca de R$80 para os dois).

Carinha de cansados, ainda no aeroporto, aguardando o trem para ir até o hotel em Shinjuku.

Carinha de cansados, ainda no aeroporto, aguardando o trem para ir até o hotel em Shinjuku.

Caminhamos da estação de Shinjuku até o hotel com mala e tudo, deu cerca de 20min de caminhada. Chegando cerca de 30m antes do hotel avistamos a Estação Nishi Shinjuku Gochome, mas tudo bem, ela nos foi muito útil nos demais dias. Foi aí que descobrimos a importância de ter uma estação próxima ao local de hospedagem, facilita muito a vida e é a forma mais prática de locomoção pela cidade. E depois de um dia que durou 32 horas chegamos muito cansados ao hotel. Largamos a bagagem e em seguida conseguimos um restaurantezinho atravessando a rua do hotel para jantar. Foi nossa primeira experiência gastronômica no país, embora cansados adoramos estar naquele lugar que até então só tínhamos visto em filmes.

Alguns hotéis tem o auto check-in, onde você insere seus dados e já faz o pagamento no próprio totem.

Alguns hotéis tem o auto check-in, onde você insere seus dados e já faz o pagamento no próprio totem.

Fácil foi pagar a conta...kkkk

Fácil foi pagar a conta...kkkk

Ficamos 3 noites e 2 dias inteiros no inicio da viagem e mais 3 dias no final da viagem e podemos dizer que Tóquio é daquelas metrópoles que você pode ficar um mês e sempre terá o que fazer por lá.

Escolhemos a primavera pela floração das cerejeiras e Tóquio fica particularmente linda nessa época. Mas claro que você paga o preço por isso. A primavera é considerada altíssima temporada, tudo fica mais caro, mas compensa pela beleza e quantidade de atrações que a cidade oferece devido a Sakura. O outono é outra estão linda onde as árvores ficam com suas folhas em tons de amarelo e vermelho e o clima é ameno, ao programar sua viagem, pense nessas possibilidades.

Hospedagem: nossas duas estadias na cidade foram em hotéis da rede APA, os mais em conta levando em consideração localização e custo benefício. Os hotéis dessas rede sempre ficam localizados próximos à estações de metro o que facilita e muito a vida de qualquer viajante. Os quartos são bem compactos, mas tem tudo o que precisa (banheira, amenities, secador de cabelo, frigobar, Tv de tela plana de 40"), e como em todos os hotéis do Japão você ainda vai encontrar kimonos e chinelos, geralmente com origamis desejando boas vindas.

OS PRINCIPAIS BAIRROS E REGIÕES DE TÓQUIO:

Akihabara - meca dos eletrônicos

Shinjuku - é o distrito de negócios de Tóquio e uma excelente área para se hospedar. Com muitos barzinhos e restaurantes é uma das zonas mais frenéticas da cidade. Neste bairro se localiza a estão de metrô mais movimentada do país.

Shibuya - bairro onde fica o cruzamento mais famoso do planeta. Se assemelha em alguns pontos a Shinjuku, igualmente movimentado e com ar jovial. É uma área muito valorizada e mais cara para hospedagem.

Harajuku - território cosplay, frequentado por jovens, é uma zona alternativa e de muita criatividade. 2 ruas se destacam: a Takeshita, rua maluca e cheia de cosplayers e lojinhas legais, e a movimentada Omotesando, onde você vai encontrar todas as marcas de luxo que imaginar, bons restaurantes e muita modernidade.

Chiyoda - Zona mais central (geograficamente) da capital, onde ficam o Palácio Imperial e a Estação Tokyo

Roppongi - Bairro frequentado pela comunidade estrangeira e por jovens japonesas.

Ginza - bairro moderno com lojas de grife e restaurantes exclusivos. Tem várias estações de metrô o que faz o bairro virar um formigueiro

Tsukiji - o que torna esse bairro muito freqüentado é o famoso mercado de Tsukiji, tido como o maior mercado de peixes do mundo muito visitado por turistas e onde tem o badalado leilão de atum. Vale muito a visita pois nele você encontra muita comida fresca e saborosa além de variadas tendias com os mais diferentes tipos de alimentos e souveniers.

Asakusa - onde fica o templo mais visitado de Toquio, o Templo Sensoji, sempre lotado de pessoas.

Ueno - ao lado de Asakusa fica esse bairro conhecido pelo Parque Ueno, uma grande área verde no meio de Tóquio que abriga um jardim zoológico onde entre as várias especies vivem gorilas e pandas. Ainda o Templo Kaneiji e o Museu Nacional de Tóquio.

Odaiba - Ilha artificial construída em 1986, é o melhor lugar pra ver a Rainbow Bridge e tem vários hotéis e shoppings bem americanizados.

Nos demais posts falaremos mais sobre os bairros e as principais atrações de cada um deles.

________________________________________________________________________________________________________________________________

Reserve através desse link a sua hospedagem, pelo Booking.com e receba um desconto de R$ 50,00 em sua estadia.

Siga-nos também no Facebook e Instagram.

________________________________________________________________________________________________________________________________

12 - Kanazawa

10 de junho de 2019

Depois de conhecer a região de Quioto e arredores, nosso plano inicial era seguir para a região de Hiroshima, no sul da ilha de Honshu. Tínhamos programado 3 dias para a ida e volta até...
Veja mais...

11 - Himeji | Osaka

15 de abril de 2019

Falo com toda certeza desse mundo que não queríamos ir embora de Kyoto. Que experiência, meu povo! Mas precisávamos seguir para o próximo destino, Himeji, pra conhecer um dos...
Veja mais...

10 - Kyoto IV

05 de março de 2019

Sétimo dia no Japão, quarto em Kyoto. Como já comentamos em outros posts, usamos muito os ônibus urbanos em Kyoto por ser a forma mais prática de transporte. O Importante é...
Veja mais...

9 - Kyoto III

02 de dezembro de 2018

Sexto dia no Japão, terceiro dia em Kyoto. Iniciamos o dia muito bem, errando a parada do trem !! kkk A intenção era chegar na Floresta de Bambu de Arashiyama, então saímos da...
Veja mais...

8 - Kyoto II

02 de outubro de 2018

Quinto dia no Japão, segundo em Kyoto. Nosso roteiro do dia foi um tanto conturbado pois algumas coisas que tínhamos programado...
Veja mais...

7 - Kyoto I

04 de agosto de 2018

No nosso quarto dia no Japão, seguimos para Kyoto, antiga capital Imperial do país, substituída por Tóquio em 1868. Além disso, Kyoto é a cidade das Gueixas e...
Veja mais...

6 - Tóquio III

30 de julho de 2018

Tóquio III No nosso terceiro dia em Tóquio optamos por conhecer a redondezas do Palácio Imperial. Para isso pegamos um metrô na estação ao lado do nosso Hotel e...
Veja mais...

5 - Tóquio II

22 de julho de 2018

Iniciamos nosso segundo dia em Tóquio tentado entender o funcionamento do metrô. Confesso que deu um certo pânico ao olhar o mapa das linhas e a primeira impressão é de que você nunca vai se achar naquele...
Veja mais...

3 - Tudo o que você precisa saber para visitar o Japão

11 de junho de 2018

O Japão tem como principal característica a numerosa população comparada a extensão territorial. Dessa forma você vai perceber que o país tem muitas regras e a maioria delas são sobre civilidade, viver em...
Veja mais...

2 - Roteiro de 20 dias pelo Japão

27 de maio de 2018

. Planejar uma viagem para o Japão não é nada fácil. A diversidade geográfica, cultural e as peculiaridades desse país tornam a pesquisa e...
Veja mais...

1 - Japão - Planejamento de Viagem

13 de maio de 2018

PLANEJAMENTO DE VIAGEM Quem nos acompanha no Facebook/Instagram já sabe, e quem tem o primeiro contato com a gente pelo site, fica sabendo agora: Acabamos de voltar do Japão. Estivemos na Terra do Sol Nascente...
Veja mais...

COPYRIGHT 2019 © Todos os direitos reservados - Desenvolvido por Orange Tecnologia para Internet